quinta-feira, 27 de dezembro de 2012

Projecto de portaria da medida de Estímulo 2013


O Governo prepara-se para reforçar os apoios financeiros à contratação, nomeadamente no caso de contratos a tempo parcial e permanentes.

O projecto de portaria da medida "Estímulo 2013", alarga o incentivo à contratação de "inactivos" e aumenta o limite máximo do apoio, que financia parte dos salários.

O público-alvo desta medida, que até agora se limitava aos desempregados inscritos há pelo menos seis meses nos centros de emprego, é alargado. Passam a ser elegíveis os "inactivos" - estudantes ou pessoas que tenham deixado de estudar no último ano, e que não tenham feito descontos nesse período - bem como alguns desempregados inscritos há três meses que tenham baixas qualificações.

O apoio financeiro será de 50% do salário, percentagem que sobe para 60% do salário no caso de desempregados com baixo perfil de empregabilidade, ou no caso de ser feito um contrato sem termo. Neste último caso, o valor máximo do apoio sobe para 545 euros por mês (contra os anteriores 419,22 euros) e pode durar dezoito meses (em vez dos anteriores seis). Os contratos a tempo parcial passarão a ter um incentivo proporcional.

As empresas que transfiram contratados a prazo para os quadros de pessoal terão direito a um prémio equivalente a nove meses de apoio. O número máximo de trabalhadores apoiados sobe de 20 para 25 pessoas por empresa, mas os empregadores terão que manter o nível de emprego e dar formação.

Até Agosto, a medida "Estímulo 2012" financiou mais de cinco mil postos de trabalho, sobretudo a prazo. No terceiro trimestre havia 871 mil desempregados, num aumento homólogo de 26%.

Investir no Currículo



Hoje em dia, quem quer entrar no mercado de trabalho tem de se distinguir da pilha de currículos que estão em cima da mesa dos potenciais empregadores.
Se está desempregado, saiba como tornar o seu currículo mais funcional e apelativo, atraindo a atenção de quem o lê para o que é mais importante e que reflita o seu potencial enquanto futuro trabalhador em determinada empresa. Se tem trabalho, este artigo serve de lembrete para atualizar o seu CV.
"Pisque o olho à empresa"
Pode ter feito muita coisa na vida, mas deve destacar só o mais importante que possa marcar pontos na sua candidatura. Mostre o lado profissional mas também o lado pessoal mais relevante que desperte curiosidade, para que o empregador fique com vontade de o conhecer. Por isso, deve destacar os pontos fortes do seu percurso em perfeita consonância com a função que pretende - e deve - desempenhar na empresa. Sem mentir, claro.
Há currículos do tipo cronológico, inverso (que começa pelos dados mais recentes e evidencia as últimas experiências que são, normalmente, as que mais interessam ao potencial empregador) e funcional, que distribui a informação por temas e permite ter um conhecimento rápido da formação e da experiência do candidato num determinado âmbito. É um bom instrumento de marketing, uma vez que com ele pode selecionar os pontos positivos e omitir alguns dados menos positivos, como o tempo em que esteve no desemprego.
O que importa é escolher o que mais se adequa ao seu perfil e ao perfil da empresa onde quer trabalhar. O seu CV funciona como um cartão de visita, pelo que deve ser constantemente atualizado. Invista tempo nele, porque valerá a pena.
Trace metas: onde quer estar daqui a cinco anos?
É importante ter um currículo à altura dos desafios e, dado que estamos num mundo cada vez mais globalizado, tê-lo sempre traduzido em inglês.
Por isso, é muito importante parar para pensar antes de o elaborar ou de o atualizar. Trace metas: onde quer estar daqui a cinco anos? Isso ajudá-lo-á a selecionar para onde enviar o seu CV.
Mais vale ser seletivo naquilo que procura, porque pode perder tempo a ir a entrevistas de trabalhos que não quer (e ainda por cima não ser chamado para entrevista), o que pode desmotivá-lo.
Só que, antes disso, deve ter bem presente as funções que gostaria de desempenhar e o tipo de empresa em que se encaixa porque, desse modo, pode apresentar um currículo direcionado.
Direcionado e personalizado. Entre o standard do CV europeu e o seu currículo, escolha o seu.
Seja criativo. Surpreenda!
Pode também fazer um vídeo, por exemplo. Ou mesmo que opte pelo tradicional papel, seja original no formato, desde que tenha a ver com a empresa ou com a função.
Quando estiver a elaborá-lo, não generalize só para poder enviar o mesmo currículo para todas as empresas. Isso não funciona. Tem de especificar o que pretende, onde se encaixa, que vaga quer preencher e porquê.
Há coisas a que não pode fugir: o CV deve ter os seus dados pessoais, habilitações académicas, experiência profissional e formação complementar relevante, mas também outras competências que digam respeito, por exemplo, a línguas, informática, workshops que tenham a ver com a área que está a tentar candidatar-se. As empresas também privilegiam, cada vez mais, quem desempenhe outras atividades, como desporto ou voluntariado.
Para além do currículo propriamente dito, uma carta de apresentação ou um parágrafo introdutório na página onde se inicia o próprio CV são importantes para, de forma resumida, destacar que você é a melhor escolha para o cargo em causa. «Venda o seu peixe» em quatro linhas, destacando ou experiências anteriores, ou habilitações, ou competências de liderança, trabalho em equipa... Enfim, o que for mais importante para a vaga que não quer deixar escapar.

In Agência Financeira

terça-feira, 18 de dezembro de 2012

Escola de Hotelaria e Turismo tem Novos Cursos

A Escola de Hotelaria e Turismo abriu as candidaturas para Novos Cursos, a iniciar a 28 de Fevereiro de 2013.

O Turismo é um dos sectores mais sólidos da economia Portuguesa e o principal motor da atividade económica do Algarve. As Escolas de Hotelaria e Turismo do Algarve proporcionam uma formação de qualidade e uma preparação profissional de excelência.
 



quinta-feira, 13 de dezembro de 2012

Empresários vão ter subsídio de desemprego


Os sócios e gerentes de empresas e os empresários em nome individual vão passar a ter direito a receber subsídio de desemprego em caso de perda de rendimentos por encerramento ou cessação da atividade da empresa de forma involuntária. O Governo aprovou em Conselho de Ministros o regime jurídico da proteção social de desemprego para os trabalhadores independentes e empresários em nome individual. "Esta proteção é especialmente importante numa altura em que o nosso tecido económico se encontra com grandes dificuldades", afirmou o ministro da Solidariedade e da Segurança Social, Pedro Mota Soares.
Antes da sua aprovação, o Governo enviou aos parceiros sociais uma proposta de decreto-lei que vai permitir a atribuição de subsídio de desemprego aos trabalhadores independentes com atividade empresarial e aos sócios gerentes de empresas.Na proposta enviada aos parceiros, o Ministério da Solidariedade e da Segurança Social estipula que, para terem acesso a este apoio social, os potenciais beneficiários necessitam de ter dois anos de descontos.
Quem pode beneficiar:
Este novo regime jurídico de proteção social em caso de desemprego destina-se a trabalhadores independentes com atividade empresarial, nomeadamente os empresários em nome individual com rendimentos decorrentes de atividade comercial ou industrial e os titulares de estabelecimentos individuais.
Estão ainda abrangidos os sócios ou gerentes de empresas e os cônjuges dos trabalhadores independentes que com eles trabalhem, exercendo "efetiva atividade profissional com caráter de regularidade e permanência".

terça-feira, 11 de dezembro de 2012

Conferência - "Os desafios do novo quadro de relações laborais em Portugal"



Quinta-feira. - 15:00 até 17:30.
.
Local: AHETA - Quinta da Bolota, Lote 4 A, Vale Santa Maria, Apartado 2360, 8201-918 Albufeira


OBJETIVOS
Abordar, de forma transversal e pragmática, as novas alterações produzidas na esfera laboral e social do nosso mercado de trabalho.

DESTINATÀRIOS
Empresários, gestores, diretores, e outros profissionais do setor do turismo.

quinta-feira, 6 de dezembro de 2012

Emprego e Formação para Jovens


Ao abrigo das medidas propostas pela UE, os desempregados com menos de 25 anos deverão beneficiar de ofertas de emprego ou de mais educação e formação.
Cerca de sete milhões e meio de jovens entre os 15 e os 24 anos não têm emprego nem frequentam o ensino ou uma formação. Num clima de crise económica, é muito mais difícil encontrar emprego. Mais de um em cada cinco jovens não têm trabalho. Na Grécia e em Espanha, esta situação afeta mais de metade dos jovens.
Para os ajudar, a Comissão propõe um pacote de medidas , que inclui uma recomendação aos países da UE para porem em prática um programa de garantia de emprego e formação para os menores de 25 anos.
Ao abrigo desses programas, os países da UE assegurariam que todos os jovens receberiam uma oferta de emprego ou uma proposta para continuar a sua educação ou fazer uma aprendizagem ou um estágio no prazo de 4 meses após acabarem a sua educação formal ou ficarem sem emprego.
A Comissão apoiaria os programas nacionais disponibilizando fundos da UE e criando redes que permitiriam trocar ideias sobre as melhores formas de conseguir que os jovens encontrem um emprego, uma formação ou um estágio.
A Finlândia e a Áustria já dispõem de programas semelhantes. Estes programas custariam ao erário público cerca de 21 mil milhões de euros, um custo bastante inferior ao de deixar os jovens sem ocupação.
Para além das dificuldades sentidas pelos jovens e respetivas famílias, o custo do desemprego jovem para a economia europeia equivale a 1,2 % do PIB da UE ou a 150 mil milhões de euros por ano (calculados com base nas prestações pagas e nas perdas em imposto sobre o rendimento e outras receitas).
Ajuda urgente
É importante ajudar já em vez de ficar à espera que a economia recupere. Quanto mais tempo os jovens se mantiverem desempregados e sem experiência de trabalho, maior é o risco de ficarem fora do mercado de trabalho quando a economia retomar.
Em toda a Europa, cerca de 30 % dos jovens sem emprego já trabalhou durante pelo menos 12 meses, o equivalente a 1 600 000 jovens em 2011, comparado com 900 000 jovens em 2008.
O pacote de medidas - http://ec.europa.eu/social/main.jsp?catId=1006&langId=pt - surge em resposta a um pedido dos dirigentes da UE e do Parlamento Europeu, no seguimento de medidas já em vigor para ajudar os jovens a regressarem à escola, a inscreverem-se numa formação profissional ou a adquirirem uma primeira experiência de trabalho.
Mais sobre os programas de emprego jovem da UE:http://ec.europa.eu/social/main.jsp?catId=1036&langId=pt


quarta-feira, 5 de dezembro de 2012

Ações de Formação


As seguintes Ações de Formação têm vagas por preencher. Os interessados deverão fazer a inscrição com a maior brevidade possivel.

Curso Técnico/a de Cozinha/Pastelaria em Paderne. Requisitos: ter entre o 9º e 12º ano incompleto com máximo de 25 anos de idade.

Curso Técnico/a de Apoio à Gestão em Albufeira.
Requisitos: ter entre o 9º e 12º ano incompleto com máximo de 25 anos de idade.

Inscrições: gip@aheta.pt - 289580530

Workshop Hortas de Varanda


Como incentivo à inscrição no workshop, HORTAS DE VARANDA, a Explicoteca está a oferecer 25 vales de desconto para oWorkshop, no valor de 5€.
Relembramos que este será realizada nas instalações do Explicoteca, em Loulé, com data prevista para 4 de janeiro de 2013 em horário pós laboral. O workshop tem a duração de 14h, de sessões teóricas e práticas, com os seguintes conteúdos:
- Noções Gerais de Agricultura Biológica;
- Instalação da Horta;
- Compostagem; Sementeiras e Plantações;
- Protecção das culturas. Pragas e doenças.
Para mais informações contactar formacao@explicoteca.com ou 965881850.
As inscrições são limitadas.

quinta-feira, 29 de novembro de 2012

Português para Estrangeiros


Curso de Português para falantes de outras Línguas, a realizar em Loulé nas instalações do Explicoteca. Certificado e desenvolvido segundo os parâmetros da Lei da Nacionalidade portuguesa.
Destinatários: cidadãos estrangeiros que pretendam requerer a obtenção da nacionalidade portuguesa.
O curso tem a duração de 150h e realizar-se-á em horário pós laboral.
Corresponde aos níveis A1 e A2 (Utilizador Elementar). É um curso reconhecido pelo Estado português e certificado.
Os interessados poderão inscrever-se nas instalações do Explicoteca em Loulé ou solicitar informações para formacao@explicoteca.com ou 965881850. As inscrições são limitadas.

quarta-feira, 28 de novembro de 2012

A Direção Regional do Algarve do IPDJ procura: Jovens Voluntários



A iniciativa NAVEGA(S) EM SEGURANÇA? tem como objetivo contribuir para o desenvolvimento da utilização responsável e segura da Internet, através da realização de ações de sensibilização destinadas a crianças, jovens, seniores e cidadãos em geral, com os seguintes objectivos:

- Divulgar e promover a utilização da Linha Ajuda Internet Segura;
- Alertar, informar e consciencializar proactivamente as crianças e jovens para a importância da presença e convivência seguras no mundo digital;
 - Mobilizar os educadores para a utilização responsável e segura da Internet e para o acompanhamento das actividades realizadas pelos Filhos/educadores.

Neste sentido, o IPDJ, I.P. irá promover de 03 a 20 de Dezembro de 2012 a iniciativa “NAVEGA(S) EM SEGURANÇA?
Esta iniciativa desenvolver-se-á através Sessões para crianças, jovens, seniores e cidadãos em geral, com duração de 90 minutos, na Loja Ponto Já de Faro, na Direção Regional do Algarve do Instituto Português do Desporto e Juventude.

Os requisitos para a selecção dos Jovens Voluntários são:
- Idades entre 18 e 30 anos (preferencialmente);
- Disponibilidade total;
- Boa capacidade de comunicação e relacionamento interpessoal;
- Conhecimentos em tecnologias de informação e comunicação;
- CAP – Certificado de Aptidão Profissional (preferencial);
- Participação em eventos anteriores.
Ressarcimento/Apoios aos Voluntários
- Bolsa no montante de 10,00€/Dia;
- Seguro;
- Guião detalhado das sessões temáticas;
- Certificado de Participação.

Datas da Formação/Ensaio Geral
30 de Novembro
Formação Especifica: Assegurada com recursos às tecnologias online para os voluntários selecionados.

Inscrição no Projeto
As candidaturas deverão ser formalizadas de 26 a 29 de Novembro mediante o preenchimento do formulário que se encontra em: juventude.gov.pt.
ou no seguinte link: https://docs.google.com/open?id=1Vf_iwYFYHlqJwSTfwMFGeW4lfKQO6Nd8YaBgUSt29ybiV7NwMyorH9YkHBMD
INSCREVE – TE!

quinta-feira, 22 de novembro de 2012

Benetton procura o desempregado do ano


"Há portugueses entre os “Desempregados do Ano” da Benetton.

A Benetton apelou a jovens desempregados de todo o mundo, entre os 18 e os 30 anos. Era só enviarem um projecto que respeitasse as regras e habilitavam-se a fazer parte da lista dos 100 “Desempregados do Ano”, com direito a cinco mil euros depositados na conta.

As candidaturas e os “currículos de desempregos” foram milhares e estiveram a votação, no site, durante o mês de Outubro. Dos 100 finalistas, divulgados recentemente, há vários jovens portugueses.

João Correia, Wasted Rita e Bárbara Martins são três deles. Receberam o título de “Desempregado do Ano” pela Fundação Unhate e vão, por isso, desenvolver os projectos que candidataram, assim que receberem o prémio, em Janeiro. Todos os projectos têm de ser concretizados até Setembro de 2013.

O jovem de Coimbra submeteu a primeira candidatura, de todas, a concurso. Prestes a fazer 27 anos, João Correia quer fazer um documentário sobre ser jovem artista em Portugal. A ideia é passar uma semana com três artistas, de três áreas distintas (ilustração, comédia e dança), e perceber que dificuldades enfrentam e que concepção existe sobre o trabalho que fazem.

João, que já fez um documentário sobre as Aldeias do Xisto recorrendo a uma campanha de "crowdfunding", está sempre “à procura de novas oportunidades de financiamento”. A acabar o mestrado em Comunicação Multimédia na Universidade de Aveiro, já tem os gastos de produção do novo documentário “mais ou menos definidos” mas, até receber o prémio, não quer avançar muito.

Aproveitar para sair de Portugal
Nome artístico para a designer e ilustradora do Porto, Wasted Rita aproveitou esta oportunidade para pensar “num conjunto de coisas que sempre quis fazer” e que foi adiando por falta de dinheiro. Admite que fez “muito SPAM” e que se ficou a sentir mal por isso (só os projectos com mais “likes” seriam escolhidos).

Em cinco minutos redigiu o seu projecto, que “passa por ter um espaço onde possa trabalhar como designer e ilustradora”, fazer serigrafia e edições de "t-shirts". No fundo, Wasted Rita, de 24 anos, quer mostrar o seu trabalho e o de outros artistas, “de maneira auto-sustentada” — e de preferência em Berlim.

“Tenho hipótese de ir para lá [Berlim] em Janeiro, numa residência de artistas”, explica a jovem, que se vai dedicar à procura de um espaço na capital alemã. Ainda não decidiu exactamente onde gastar o dinheiro, não tem um plano muito rígido. Provavelmente vai investir em material de serigrafia e, de seguida, desenvolver a linha de roupa com ilustrações. Já a "tour" europeia que tanto quer fazer, com outros artistas, “está mais ou menos programada”.

Lutar pela cidade natal
Bárbara Martins nunca esteve muito tempo num emprego: já trabalhou num banco e numa loja e já estudou Psicologia, no Algarve. Regressou há pouco tempo à sua terra natal, Setúbal, e a campanha da Benetton apareceu numa altura boa para arriscar.

Aos 23 anos, Bárbara quer fazer alguma coisa pela sua cidade, que todos os dias vê definhar em termos de emprego. O objectivo é ajudar a “combater a fome e o desemprego”, através da formação. Com o apoio da câmara municipal, este projecto pretende criar hortas biológicas em terrenos abandonados e distribuir os produtos por famílias em necessidade. “Se a produção for boa, até podemos tentar comercializar”, diz.

Dar ferramentas de trabalho a desempregados entre os 35 e os 50 anos também é uma prioridade, bem como ajudá-los a iniciar o próprio negócio. “Estou a tentar lutar pela minha cidade. É cá que gostava de viver, trabalhar e ver a minha filha crescer”, reflecte. “Quero arrancar com isto o quanto antes porque vai mudar a vida de muitas pessoas.”
In Publico

quinta-feira, 15 de novembro de 2012

Programa de Estágios Profissionais na Administração Pública



O Programa de Estágios Profissionais na Administração Pública está em fase final de regulamentação e brevemente será possível mais informação sobre procedimentos de candidatura, nomeadamente no site Impulso Jovem: http://www.impulsojovemportugal.pt/programas-de-estagios-profissionais-na-administracao-publica/8.htm?cod=admin_pub Fiquem atentos!

quarta-feira, 7 de novembro de 2012

Ações de Formação



Ações de Formação do IEFP a decorrer até ao final do ano.
Pedimos que considere que alguns dos cursos a decorrer em Novembro já possam estar lotados.

A Formação EFA B3 - Empregada de Andares,a decorrer no presente  mês em Albufeira, ainda tem vagas disponíveis.
O candidato tem de ter 18 anos ou mais, 6º ano completo e 9º ano incompleto. Este curso confere saída Profissional e 9º ano completo.

As inscrições podem ser feitas no GIP AHETA e Centro de Emprego de Albufeira.

Consulte o link com as ações e locais de formação: https://docs.google.com/open?id=1Nhuc2g-UloS0DwhEVvfL8TqcNobv4kxCri7WLvopuly4Qgk67FTef0F1xNlz

terça-feira, 6 de novembro de 2012

Voluntariado Jovem - Projeto 18-24 Prevenção Rodoviária



Tens entre 18 e 24 anos e disponibilidade para colaborares num projeto de voluntariado na área da Prevenção Rodoviária?

Com o intuito de sensibilizar para este flagelo, a Prevenção Rodoviária Portuguesa (PRP) lançou um projeto denominado Jovens -18/24 anos que prevê, entre outras atividades, a criação de rede de jovens “transmissores” da mensagem da prevenção da sinistralidade.

Os jovens interessados em colaborar neste projeto de voluntariado  terão um período de formação da PRP e participarão nas demonstrações de um road show, na universidade do Algarve, que leva aos estudantes universitários uma exposição interativa sobre prevenção rodoviária.


Perfil do voluntário:
 • Idade entre os 18 e os 24 anos
 • Disponibilidade para a formação no dia 2 Novembro de 2012 (das 09h00 às 12h00)
 • Disponibilidade para o road show – Universidade do Algarve no dia 5 de Novembro.

| Contrapartidas para o voluntário |
 No dia da atividade, a PRP assegura-te o ressarcimento de despesas de transporte (até ao valor máximo de sete euros contra apresentação de comprovativo); uma refeição, e um seguro de acidentes pessoais.

Toda a informação necessária deverá ser consultada abaixo, constando no ultimo link a ficha de inscrição:
http://juventude.gov.pt/Eventos/VoluntariadoJovem/Paginas/VoluntariadoJovem-Projeto-18-24-Prevencao-Rodoviaria.aspx
https://docs.google.com/open?id=1JtkO2n1LXySM7BzWxFm2uBmkno3oDrPeP1smHC7benmc-aS-aUnCFSSn-YlK

quinta-feira, 25 de outubro de 2012

Dias Europeus do Emprego 2012


8ª edição dos DIAS EUROPEUS DO EMPREGO
Centro de Congressos de Lisboa, 25 e 26 de outubro
Promover a mobilidade na Europa em segurança é o principal objetivo deste evento que o IEFP organiza nos próximos dias 25 e 26 de outubro, no Centro de Congressos de Lisboa.
O Centro de Congressos de Lisboa (antiga FIL, em Belém) acolhe, nos próximos dias 25 e 26 de outubro, a 8ª edição dos Dias Europeus do Emprego realizada em Portugal. Promovida pelo IEFP, através da rede EURES, por iniciativa da Comissão Europeia, este evento conta já com cerca de 42.000 participantes desde 2006, só a nível nacional.
Horário de abertura:  das 12h00 às 20h00
   (última hora de entrada: 19h00)

Os Dias Europeus do Emprego são uma oportunidade para contactar empresas e/ou especialistas nos mercados de trabalho de outros países, estruturar e aprofundar projetos individuais de mobilidade ou saber mais sobre a forma como o EURES e outros serviços de apoio à mobilidade convidados a participar (Ponto Nacional de Referência para as Qualificações, Direção Geral dos Assuntos Consulares e Comunidades Portuguesas, Autoridade para as Condições do Trabalho, Instituto de Segurança Social, rede Euraxess, Centro de Informação Europeia Jacques Delors, rede SOLVIT, de entre outros) podem ajudar os trabalhadores que procuram outros países europeus.
Com um vasto programa de cerca de 70 “workshops”, sessões de informação e apresentações de empresas, os participantes podem também contar com informação e aconselhamento personalizados sobre:
• situação e tendências de mercado, oportunidades de trabalho,
• estratégias mais eficazes de procura de emprego,
• reconhecimento de competências e qualificações profissionais,
• oportunidades de carreira em instituições europeias e organizações internacionais,
• outras alternativas de mobilidade no âmbito dos projetos e redes a nível europeu,
• condições de vida e trabalho,
em particular, nos 15 países que estarão presentes este ano no evento: Alemanha, Áustria, Bélgica, Dinamarca, Espanha, Finlândia, França, Holanda, Itália, Irlanda, Noruega, Reino Unido, República Checa, Suécia e Suíça.
Podem ainda estabelecer contactos com algumas das mais de 40 empresas presentes, provenientes de vários países, e conhecer as suas necessidades de recrutamento, sobretudo nas áreas das Engenharias, Tecnologias de Informação, Saúde, Construção Civil, Hotelaria e Restauração e “Customer Service”, de entre outras – podendo mesmo, em caso de candidatura e seleção prévia pelas entidades presentes, ter uma ou mais entrevistas de emprego durante o evento.

Estão confirmadas:
• 19 empresas na área das Engenharias;
• 8 na área das Tecnologias de Informação;
• 8 na área da Saúde;
• 4 na área da Construção Civil;
• 2 na área da Hotelaria e Restauração;
• 2 na área do “Customer Service”.

Este ano, o evento conta ainda com a presença especial da Campanha “Trabalhar no Estrangeiro: informe-se antes de partir”, uma ação concertada entre vários serviços públicos que visa potenciar uma mobilidade bem informada dos trabalhadores, e em condições de segurança.
A entrada é totalmente gratuita, mas o evento está sujeito a inscrição prévia.
Uma outra novidade é a especialização do Programa e da área de Exposição por áreas de atividade. O dia 25 será exclusivamente dedicado às áreas das Engenharias e Tecnologias de Informação, atendendo ao elevado número de empresas com interesse em recrutar profissionais destas áreas em Portugal.
Para mais informação e inscrição online, consulte o website do evento: www.iefp.pt/dee2012, onde será disponibilizada toda a informação necessária para preparar uma participação bem sucedida.

________________________________________
Promovidos desde 2006 pela Comissão Europeia, os Dias Europeus têm vindo a afirmar-se crescentemente como um primeiro passo para uma mudança de vida substancial para muitos trabalhadores e suas famílias. Têm também constituído ocasião para um debate alargado, entre candidatos a emprego, empregadores e outras partes interessadas, sobre a mobilidade dos trabalhadores e os recrutamentos a nível transnacional, para a partilha de testemunhos sobre experiências de trabalho e obtenção de informação actualizada sobre as condições para viver e trabalhar noutros países europeus.
Esta iniciativa tem vindo a registar um número crescente de participantes em toda a Europa, com perto de 2000 eventos já realizados. Só em Portugal, nas 7 edições anuais já realizadas, participaram perto de 42.000 pessoas, na sua maioria graduados.
Os Dias Europeus do Emprego variam em termos de dimensão e enfoque, mas têm todos um objetivo em comum: incentivar a mobilidade em toda a UE/EEE e promover, deste modo, um melhor ajustamento no mercado de trabalho europeu. Presentemente, estão a realizar-se em simultâneo em toda a Europa centenas de eventos, desde feiras de emprego a seminários, encontros e conferências, ou mesmo simples sessões de informação. Consulte o Calendário de Eventos no Portal do EURES: www.eures.europa.eu.
Consulte o Programa provisório para dia 25 e 26 de Outubro
Dia 25: https://docs.google.com/open?id=1nPR0NfEymDUE0kNljnH1bzumQAXKbF3jcIUEJ_b1XfE8kA3c5Mm4Z1fzWUYh
Dia 26: https://docs.google.com/open?id=1SRWS9T89hY5r9lbfkc9UYC3wMjfsScfkTACDwCAZSv5n4JLyHaA_69waxcKU

sexta-feira, 19 de outubro de 2012

INESP - Formação Gratuita UFCDS POPH

Formação gratuita para empresas e particulares.
 - Gestão de reclamações para recepção em hotelaria
 - Técnicas de mesa e bar
 - Língua inglesa no serviço de mesa/bar
 - Serviços de andares
 - Língua inglesa no serviço de Recepção

Para mais informações consulte o link: http://us2.campaign-archive2.com/?u=4bfddf1928fc766decfbea725&id=e26b170bbf&e=fc19c25399

quinta-feira, 18 de outubro de 2012

Oportunidades de negócio na União Europeia


Conheça os concursos públicos a decorrer nas instituições e organismos da União Europeia, em particular nos que se localizam em Portugal. Procure pela sua área de negócio, navegue por este sítio, do Centro de Informação Europeia Jacques Delors, para esclarecer as suas dúvidas e tire partido das nossas pesquisas pré-definidas: por setor de atividade, por tipo de procedimento, por tipo de concurso e/ou por tipo de contrato.

Aproveite as oportunidades que as instituições da UE proporcionam e dê à sua empresa uma escala europeia. Seja empreendedor, inove, faça parcerias e aproveite para expandir o seu negócio.

Saiba mais através do site: http://www.oportunidadesdenegocionaue.eu/

sexta-feira, 12 de outubro de 2012

Feira do Empreendedorismo


No dia 24 de outubro, durante todo o dia (9h30 às 19h00) realiza-se a Feira do Empreendedorismo, no Espaço Multiusos de Albufeira (EMA), um evento que pretende ajudar todos os interessados a encontrar soluções de emprego e a promover o empreendedorismo ao nível dos vários agentes económicos do concelho.

Trata-se de uma iniciativa organizada em parceria com o Instituto de Emprego e
 Formação Profissional (IEFP), contando também com a disponibilidade do GIP AHETA em apoiar este evento e que nesta altura já conta com a participação assegurada de 12 entidades que vão estar representadas no certame.

A Feira que vai ser um espaço dedicado à promoção da empregabilidade, criação do próprio emprego, divulgação de oferta formativa e empreendedorismo vai reunir no mesmo espaço diversas entidades com balcões de atendimento presencial. Está prevista a realização de sessões de esclarecimento e informação, apresentação de oferta formativa, sistemas de incentivo, programas de apoio e serviços específicos para empresas.

Programa: https://docs.google.com/open?id=1QOFBdSHYblAmFD_MBGT0ZRtx0f2CJdyUQJBj4Y4e9NZ3vSA37YCso3TM__Jn

Ficha de Inscrição: https://docs.google.com/open?id=1hOlJHuO0LvI5o1NT8HtFDZQbW79PpdwsXfpDkrAIJjHe8TipUdPTzrLKuHCZ

Para mais informações contacte através do telefone: 289 599 662 ou para o e-mail: age@cm-albufeira.pt

quinta-feira, 11 de outubro de 2012

Workshop Formação-Algarve

       


                                                                                                      





WORKSHOP FORMAÇÃO - ALGARVE

APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS E PLANO DE FORMAÇÃO

16 de Outubro de 2012 – 15 horas – Edifício AHETA – Albufeira

Tendo em vista facilitar a formalização de candidaturas e a elaboração do plano de formação respeitante ao Programa Formação-Algarve, realizar-se-á dia 16 de Outubro, pelas 15:00H, no auditório da sede da AHETA, um Workshop subordinado ao tema: Apresentação de candidaturas e plano de formação.

O Workshop será animado por técnicos do IEFP e do INESP, estando portanto reunidas as condições que permitem esclarecer qualquer dúvida que ainda possa subsistir sobre os apoios ao emprego, bem como o encontrar de soluções organizativas que possibilitem a operacionalização das ações de formação em qualquer ponto da região, nomeadamente para as empresas de pequena dimensão.

Em caso de dificuldade na participação neste workshop, estamos ao seu dispor para o esclarecimento de qualquer dúvida e apoiar a sua candidatura, em:

aheta@aheta.pt ; formacao2@aheta.pt ; formacaoalgarve@iefp.pt


PROGRAMA

15h00 Abertura
              Elidérico Viegas – Presidente da AHETA

15H15 – IEFP - Apresentação programa formação Algarve
              Dr. António Travassos

16H00 – INESP – Apresentação de tipologias de planos hotelaria e restauração
               Gil Antunes

16h45 – Esclarecimentos e perguntas

17h30 – Encerramento

terça-feira, 9 de outubro de 2012

Concurso Viral C 2012


O Viral C tem por objectivos, sensibilizar, dinamizar e reforçar a imagem do Concurso Arrisca C 2012 através da criação de um video entre os 30 segundos e os 150 segundos para a promoção do referido  concurso, através da utilização de imagens e conceitos ligados à Inovação e à Criatividade.

As candidaturas podem ser individuais ou apresentadas em equipas até 3 elementos.

Os participantes deverão ter um conta no Facebook, tornarem-se fãs da página Arrisca C (www.facebook.com/ArriscaC) e elaborar um vídeo contendo a imagem do logo do Arrisca C (durante os 4 segundos iniciais), bem como o endereço do site do concurso (www.arrisca-c.pt). O video a submeter deverá ainda fazer alusão a temas relacionados com a Criatividade e a Inovação.
Para submeter a obra ao concurso, o vídeo ou o link  do mesmo para download deverão ser enviados para o e-mail dits@uc.pt até ao dia 15 de Outubro de 2012.
A receção de cada vídeo será confirmada pelo envio de um e-mail. Neste e-mail de confirmação estará o link que deverá ser partilhado com os teus amigos no Facebook.
A primeira partilha deverá ocorrer obrigatoriamente através da página do Arrisca C no Facebook.
A organização não se responsabiliza por eventuais falhas no envio dos vídeos ou demais problemas informáticos.
A candidatura somente será finalizada com a recepção do e-mail de confirmação por parte do(s) promotor(es). A não recepção deste e-mail pressupõe a não aceitação da candidatura.

Para mais informações acede ao site: http://www.uc.pt/gats/projectos/Arrisca_C_2012

quinta-feira, 4 de outubro de 2012

I Encontro Responsabilidade Social de Albufeira



A Santa Casa da Misericórdia de Albufeira, em parceria com a Câmara Municipal de Albufeira, vai realizar o I Encontro Responsabilidade Social de Albufeira - Papel das empresas e instituições - entre o dia 17 e 20 de Outubro, no Espaço Multiusos de Albufeira.

Pretende, no primeiro dia do Encontro, reunir várias Empresas e Instituições da Região, de forma a debater e questionar o papel e responsabilidade de cada uma delas na prestação de apoio social à comunidade, sendo este dia dedicado a Técnicas e Empresas da Região.
Dar a conhecer à comunidade as várias Respostas Sociais da Santa Casa da Misericórdia de Albufeira é outro  dos objectivos deste Encontro, que conta com dois dias de workshops temáticos, focando o tema da infância e juventude, da deficiência e 3ª idade, dstinados à Comunidade em geral.

O encontro ecerrará no sábado, dia 20 de Outubro, com um jantar solidário, às 19h, no Ema, antecedido de eucaristia às 18h na igreja Matriz de Albufeira. Os fundos angariados terão como destino o apoio de projectos a decorrer na Santa Casa da Misericórdia de Albufeira.

Programa e ficha de inscrição disponíveis no Link: http://responsabilidadesocialalbufeira.blogspot.pt/

A ficha de inscrição deverá ser enviada para o e-mail: scma.responsabilidadesocial@gmail.com

Ou para mais informações:
Secretariado da Santa Casa da Misericórdia de Albufeira
Tlf: 289 513 444 / 289 515 427 / 961 372 574

terça-feira, 2 de outubro de 2012

Portal Impulso Jovem


Estágios Profissionais, Apoio à contratação e ao Empreendedorismo e Apoios ao Investimento. Sabe mais no novo Portal do Programa Impulso Jovem: http://www.impulsojovemportugal.pt/
Com Impulso chegamos lá!

sexta-feira, 28 de setembro de 2012

Programa Formação-Algarve




Foi hoje publicado em Diário da Republica a Portaria n.º 297/2012 (a consultar no separador do nosso site referente à Legislação) que institui o Programa-Algarve.
O Programa traduz-se na concessão de um apoio financeiro à renovação ou à conversão de contratos de trabalho a termo ou à celebração de novos contratos e na dinamização de um programa de formação e ou requalificação de trabalhadores de atividades relacionadas com a hotelaria, restauração, turismo, comércio e construção civil da região do Algarve.
Objectivos:
Reforçar a competitividade e produtividade dos setores mais afetados pela sazonalidade na região do Algarve.

Entidades:
Entidades empregadoras (pessoas singulares ou coletivas de direito privado, com fins lucrativos) que desenvolvem a sua atividade na região do Algarve em setores relacionados com a hotelaria, restauração, turismo, comércio e construção civil.

Destinatários:
Trabalhadores das entidades empregadoras candidatas que se se encontrem vinculados através de contrato de trabalho a termo certo, até 31 de outubro de 2012, e os ex-trabalhadores dessas entidades cujos contratos de trabalho tenham cessado 60 dias antes da entrada em vigor da portaria.

Condições para atribuição do apoio:
Proceder até 31 de outubro de 2012:
- à renovação dos contratos de trabalho a termo certo dos trabalhadores a abranger pelo programa, no mínimo pelo período de um ano, ou
- à conversão de novo contrato de trabalho a termo por período mínimo de um ano ou sem termo.
Garantir a formação profissional aos trabalhadores abrangidos pelo programa.
A entidade empregadora deverá ainda fazer prova do cumprimento dos requisitos habitualmente exigidos em medidas que contemplam apoios financeiros.

Para mais informações consulte  o link: http://www.iefp.pt/apoios/empresas/Documents/Programa%20Forma%C3%A7%C3%A3o-Algarve/Programa%20Forma%C3%A7%C3%A3o%20Algarve%20-%20Ficha%20S%C3%ADntese%20-%20Divulga%C3%A7%C3%A3o_28092012.pdf

sexta-feira, 21 de setembro de 2012

Candidatura de estágio Profissional para rececionista de hotel em Albufeira (Urbigarbe, Lda)


O Candidato deverá possuir o seguinte perfil:

- Ensino secundário obtido por percursos de dupla certificação (nível IV) se possível qualificado no ramo hoteleiro.
 - Fluência em: Alemão, Inglês, Francês, Espanhol, Português falado e escrito

Contactar: gip@aheta.pt
           289 580 530

Governo apresentou "Programa Formação" para combater desemprego no Algarve

O Governo apresentou em Faro o programa Formação - Algarve, o objetivo é combater o desemprego sazonal na região.
Este Programa consiste na concessão de um apoio financeiro à renovação ou à conversão de contratos de trabalho a termo ou à celebração de novos contratos e na dinamização de um programa de formação e ou requalificação de trabalhadores de actividades relacionadas com a hotelaria, restauração, turismo, comércio e construção civil na região do Algarve.

terça-feira, 11 de setembro de 2012

Concurso de ideias para criação do logótipo do AGE - Gabinete do Empreendedorismo do Município de Albufeira


Estão abertas as inscrições para quem quiser participar no concurso de ideias para criação do logótipo do AGE - Gabinete do Empreendedorismo do Município de Albufeira. Os interessados devem entregar a sua proposta criativa, pessoalmente ou por correio até ao próximo dia 24 de setembro.

O concurso tem por objetivo criar uma imagem jovem, dinâmica, apelativa e empreendedora com vista a identificar o serviço e criar a marca imprescindível para comunicar com o seu público-alvo. Os trabalhos devem ser apresentados em suporte editável (Corel, Photoshop) com a respetiva impressão em formato A4, acompanhados da memória descritiva técnica e uma breve justificação. Podem ser entregues em mão, até às 17h00 do dia 24 de setembro, ou enviados por carta, com a mesma data de correio, para a Divisão de Turismo e Desenvolvimento Económico da Câmara Municipal - Rua do Município – 8200-863 Albufeira.

Na elaboração dos trabalhos os concorrentes devem considerar obrigatoriamente a inscrição da sigla AGE Albufeira, versão do logótipo ao alto e ao baixo, comportamentos em fundos de cor e fotográficos, comportamento a negativo e positivo, devendo os mesmos ser entregues em envelope fechado com a menção “Concurso de Ideias para a Elaboração de um logótipo para o AGE – Gabinete do Empreendedorismo”, acompanhados de outro envelope fechado com a identificação do autor em letra legível, morada, e-mail e contacto telefónico. Cada candidato pode apresentar num máximo três trabalhos a concurso, os quais podem ser a título individual ou coletivo.
O júri do concurso é constituído por Paulo Dias, Chefe de Gabinete do Presidente da Câmara e coordenador do AGE, em representação do Município, que preside, António Travassos, Diretor do Centro de Emprego de Loulé, em representação do IEFP e Hugo Barros, coordenador executivo do CRIA – Divisão de Empreendedorismo e Transferência de Tecnologia da Universidade do Algarve. Quanto aos prémios, o primeiro classificado receberá um Tablet e um pack promoção nos meios de comunicação do Município (sites, Facebook, revista online) e divulgação junto da comunicação social. O logótipo vencedor será dado a conhecer ao público no dia da apresentação oficial do AGE.

Para mais esclarecimentos os interessados podem consultar o Regulamento do Concurso em http://www.cm-albufeira.pt/ e http://www.albufeira.pt/ ou contatar através do tel: 351 289 599 662 ou do e-mail: age@cm-albufeira.pt
Regulamento do Concurso de Ideias para a elaboração de um logótipo para o Gabinete do Empreendedorismo

sexta-feira, 7 de setembro de 2012

Site estagiar.pt

O site estagiar.pt pretende facilitar a pesquisa e a divulgação de ofertas de estágio, bem como o acesso a outras informações:
 - programas nacionais e internacionais;
 - instituições receptivas a receber candidaturas;
 - legislação sobre estágios profissionais;

Para mais informações consulte: http://www.estagiar.pt/ ou contacte estagiar@mail.com

sexta-feira, 24 de agosto de 2012

Impulso Jovem financia 35 postos de trabalho em 15 dias


Nos últimos 15 dias, o programa Impulso Jovem, que se destina a combater o desemprego de jovens entre os 18 e os 30 anos, criou 35 novos postos de trabalho, à razão de uma média de dois empregos por dia. Estes contratos prevêem a isenção das empresas no pagamento da taxa social única (TSU).

quarta-feira, 22 de agosto de 2012

Novo Balcão de Atendimento de Albufeira

Novo Balcão de Atendimento de Albufeira do Centro de Emprego, a funcionar na Urbanização Habijovem, na Quinta da Palmeira.

Concurso de ideias de negócio para mulheres empreendedoras do Algarve


CONCRETIZE O SEU SONHO! Inscreva-se já no Concurso Algarviva! ALGARVIVA é um concurso de ideias empreendedoras, a serem implementadas na região do Algarve, direccionado para mulheres que tenham uma ideia de negócio, empresárias que queiram começar um negócio diferente ou ideias que necessitem de apoio para a sua consolidação e sustentabilidade, em actividades que combatam a sazonalidade da Região.
Saiba mais através do link:
http://bugdainiciativa.com/2012/07/31/concurso-de-ideias-de-negocio-para-mulheres-empreendedoras-do-algarve/

quinta-feira, 16 de agosto de 2012

Os Países com mais oportunidades de emprego

Brasil, Angola, Moçambique, Argélia e países nórdicos são os mercados que mais recrutam portugueses.
Países nórdicos, Brasil e Angola, mas também Argélia e Áustria. São estes os mercados que mais procuraram portugueses para recrutar. Engenheiros é a profissão mais procurada. Só no Brasil precisam de 290 mil engenheiros civis. Mas há procura de quase todas as profissões. Alemanha, Noruega e outras economias com elevado crescimento não conseguem formar pessoas ao ritmo suficiente para ocupar as vagas disponíveis. Por isso olham agora para os países do Sul da Europa onde a crise económica está a fazer disparar o desemprego.

Estes mercados assustam porque são do outro lado do mundo e, em termos culturais, estão a anos-luz de distância. Mas não deve descurar pensar em mercados como a China e a Índia onde há uma explosão de procura. No caso da China é importante começar a aprender a língua de uma economia que, se prevê que venha a ser, em breve, a maior do mundo.

Mas atenção não dê um salto no escuro. Se quer começar uma carreira internacional deve procurar as ofertas de emprego nos ‘sites oficiais'. Depois há que conseguir o maior número de informações sobre o país para onde pretende ir. No caso dos países europeus pode encontrar toda a informação sobre os países no site EURES. Depois pode optar por telefonar ao consulado se pretender mais informações.

Portugueses apreciados nos mercados internacionais
A verdade é que os trabalhadores portugueses são dos mais apreciados e requisitadas noutros países. São conhecidos como bons profissionais e por terem uma grande capacidade de adaptação cultural e facilidade em aprender línguas.

"Somos, por norma, pessoas com facilidade na aprendizagem de línguas, somos um povo com características de grande adaptabilidade e grande flexibilidade que hoje são requisitos importantes para esta integração noutros espaços e culturas", revelou, em entrevista ao Económico TV, Octávio Oliveira, presidente do Instituto de Emprego e Formação Profissional (IEFP). Hoje já "não há empregos, nem países para a vida", revelava nessa entrevista.

Uma das palavras de ordem do IEFP, neste momento, é apostar no recrutamento internacional. Por isso, o instituto tem organizados dias de emprego por países que trazem a Portugal dezenas de empresas internacionais para recrutar. Iniciativas que têm tido grande sucesso em número de contratações.

Estimular o mercado de emprego europeu é uma das apostas da Comissão Europeia, uma vez que, na Europa, há 5,5 milhões de jovens à procura de emprego. Recentemente foi lançada a iniciativa "O teu primeiro emprego EURES", um projecto piloto que pretende ajudar os jovens a encontrar emprego noutros países da UE. Para já vai apoiar a mobilidade de cinco mil jovens que receberão apoio financeiro para procurar emprego no estrangeiro e para a respectiva candidatura ou formação. Pode encontrar mais informações sobre este programa em http://ec.europa.eu/social/yourfirsteuresjob.

Entrar nos mercados internacionais através de Portugal
Concorrer a lugares de empresas portuguesas, que têm uma forte implantação nos mercados internacionais, pode ser umas das formas de construir uma carreira internacional. Já que, muitas vezes, precisam de portugueses disponíveis para gerir as suas operações no estrangeiro.

Apostar em formações como um MBA ou uma pós-graduação que tenham experiências de formação em contexto trabalho noutros países, é outra das formas de começar uma carreira lá fora.

Brasil necessita de oito milhões
"O país onde os empregos correm atrás das pessoas." Esta foi a manchete escolhida por um diário de grande circulação do Estado de São Paulo para ilustrar a procura exponencial de quadros que se regista no país. Estima-se que, até 2015, as empresas brasileiras vão precisar de contratar cerca de oito milhões de pessoas, na sua maioria quadros qualificados. A aproximação do Mundial de Futebol de 2014 e os Jogos Olímpicos de 2016 transformaram o país num enorme estaleiro de obras. Engenheiros são os quadros mais procurados. Segundo um estudo da Ernst & Young Brasil, o país precisa contratar milhares de engenheiros. Só na engenharia civil há um défice de 290 mil quadros. Mas atenção: ainda há alguma dificuldade em reconhecer os diplomas das universidades portugueses. Os portugueses vão para o Brasil para ocupar, sobretudo, cargos directivos. Mas a lista dos estrangeiros que vai trabalhar para o Brasil é encabeçada pelos norte-americanos.

Noruega precisa de 16 mil engenheiros
Com um salário médio mensal bruto de quatro mil euros, a Noruega precisa de quadros de todas as profissões. Para trabalhar no sector petrolífero e do gás são precisos, fundamentalmente, engenheiros (o país necessita de 16 mil) que podem obter um salário que ronda os oito mil euros brutos. Mas há que deduzir uma carga fiscal que ronda os 35%. A boa notícia é que, no final do ano, o montante pago em impostos é devolvido, porque o país tem uma política generosa de deduções fiscais. Com uma taxa de desemprego que ronda os 2,6%, seis vezes menor que o valor registado em Portugal, a Noruega "precisa de quadros de todas as áreas, com excepção de marketing e economistas", explica Eli Skaug, do EURES Noruega, responsável pelo recrutamento em Portugal e Espanha. Para concorrer à maioria dos empregos basta dominar o inglês. Uma língua que todos falam no país e que já é o dialecto oficial na maioria das empresas de engenharia.

Alemanha pede mais de 400 mil empregos
Se dúvidas houvesse sobre o desespero que a Alemanha tem em encontrar os quadros de que precisa, a recente iniciativa do Governo alemão é esclarecedora. O Executivo decidiu criar uma página na Internet com todas as informações de que um estrangeiro necessita para trabalhar no país. Um "bem-vindo" em várias línguas, incluindo português e a frase "German ir a Warm welcome. Be part of it" é o convite que se encontra quando se clica em www.make-it-in-germany.com. Neste portal encontram-se milhares de oportunidades de emprego. A página apresenta ainda um guia de como candidatar-se aos lugares disponíveis. Só a página do instituto federal alemão de emprego tem mais de 400 mil empregos disponíveis. Também pode procurar oportunidades em www.jobs4.de, um site que disponibiliza vagas em empresas germânicas.

Empregos em Angola e Moçambique
Depois de Angola, Moçambique é talvez o novo mercado emergente que procura portugueses. Estima-se que nos próximos cinco anos deverão abrir cerca de oito mil novos empregos. Construção civil e tecnologias são os sectores com mais procura. E os portugueses que concorrem têm vantagens por causa da proximidade cultural e por falarem a mesma língua. Com uma taxa de crescimento anual de 7,7%, prevista pelo FMI até 2015, o país oferece boas perspectivas. Há "uma maior facilidade de adaptação/integração de profissionais portugueses em, contexto moçambicano (comparativamente ao contexto angolano), tanto por questões conjunturais políticas, como por ser um país com uma gestão mais ocidentalizada", revela Ana Cardoso, directora do Grupo Egor. Mas Angola ainda é uma possibilidade. O mercado procura engenheiros para a área da construção, petróleo e minérios e também directores da área de recursos humanos e recursos financeiros.

Caraíbas também têm oportunidades
Com apenas 24 anos, Ruben Bento está a trabalhar num dos melhores hotéis em Punta Cana, onde ocupa o lugar de supervisor-geral de bares, em colaboração com mais dois elementos. Gere as 50 pessoas que trabalham nos cinco bares do hotel. Tudo começou com uma licenciatura de Gestão Hoteleira na Escola Superior de Turismo e Tecnologia em Peniche. No segundo ano conseguiu uma bolsa para fazer o Erasmus em Barcelona. Após terminar o curso, optou por fazer uma pós-graduação em direcção de restaurantes e bares numa das melhores escolas europeias de hotelaria em Barcelona. No final tinha oito ofertas, entre estágios e emprego. Optou pelo Catalónia, um grupo espanhol onde já tinha feito estágio, que é um dos maiores da Península Ibérica (com sete hotéis nas Caraíbas e 50 em Espanha). Ruben Bento acredita que as Caraíbas são uma geografia onde há oportunidades de trabalho para os portugueses na área da hotelaria. Tirar uma formação em Espanha pode ser a porta de entrada para este mercado, uma vez que são os espanhóis que controlam a maior parte do turismo na zona.

In Económico

sexta-feira, 3 de agosto de 2012

Medida Impulso Jovem (IEFP)



Entrou em vigor no passado dia 1 de Agosto a Medida “Impulso Jovem”.


Esta medida visa combater o desemprego jovem e envolve apoios e incentivos superiores a 344 milhões de euros.


O Programa prevê, entre outras, uma redução da taxa social única (TSU) que pode ir aos 100% no caso dos contratos sem termo, com um montante máximo de 175 euros, para as empresas que contratem jovens desempregados de longa duração por um período mínimo de 18 meses.


O programa prevê ainda que no final de um estágio Profissional de 6 meses (com formação profissional mínima de 50 horas) um prémio de integração caso se venha a verificar a celebração de um contrato de trabalho sem termo, inserido no chamado “Passaporte Emprego”.


Conheça mais sobre as regras em:

 http://www.iefp.pt/noticias/Paginas/ProgramaImpulsoJovem.aspx

segunda-feira, 16 de julho de 2012

A criação dos Gabinetes de Inserção Profissional (GIP) integra-se no conjunto das medidas activas de emprego que, em complementaridade aos instrumentos de protecção social, procuram melhorar os níveis de empregabilidade e estimular a reinserção no mercado de trabalho dos trabalhadores que se encontram em situação de desemprego.
Os Gabinetes de Inserção Profissional (GIP) têm por objectivo apoiar jovens e adultos desempregados na definição ou desenvolvimento do seu percurso de inserção ou reinserção no mercado de trabalho, em estreita cooperação com os Centros de Emprego do IEFP, I.P. e diferentes entidades.
Neste sentido, com esta parceria, a AHETA propõe-se aproveitar as sinergias que tem com o tecido empresarial do principal sector da actividade económica da região e, através da actividade do GIP de captação e divulgação de ofertas de emprego, promover medidas de promoção e apoio à contratação de emprego, assim como identificar as necessidades de formação junto das entidades empregadoras, reforçando a ligação entre este sector e o IEFP.
Com este novo modelo, dá-se uma aproximação da oferta geográfica do Instituto do Emprego e Formação Profissional, I. P., já de si muito disseminada pelo território nacional, às necessidades locais, como forma de assegurar uma acção mais incisiva, localizada e personalizada em prol do emprego.

Actividades do GIP

Entidades Empregadoras

  • Informação e apoio nas elaborações de candidaturas a medidas de apoio ao emprego, designadamente estágios profissionais
  • Divulgação de ofertas de emprego
  • Encaminhamento de desempregados para ofertas de emprego
  • Identificação de necessidades de formação
  • Apoio na organização de respostas formativas

Cidadãos

  • Sessões de informação, dirigidas a jovens à procura do primeiro emprego e desempregados, sobre as medidas de qualificação profissional, apoio ao emprego e ao empreendedorismo
  • Sessões de informação, dirigidas a jovens à procura do primeiro emprego e desempregados, sobre as ofertas formativas disponibilizadas na região por operadores públicos e privados
  • Sessões de Formação sobre Técnicas de procura de Emprego, dirigidas a jovens à procura de primeiro emprego e desempregados.
  • Atendimento individualizado e apoio à procura activa de emprego por parte de jovens à procura de primeiro emprego e desempregados, bem como motivação e apoio à participação em ocupações temporárias ou actividades em regime de voluntariado que facilitem a inserção no mercado de trabalho